Calçados Brasileiros Pelo Mundo – Como Uma Língua Estrangeira Pode Ajudar a Exportar Mais

No ano passado uma amiga foi aos Estados Unidos, mais precisamente em Miami para fazer compras. Ao visitar um outlet, ela comprou um lindo par de sapatos. Ao voltar para o hotel onde estava hospedada, ela resolveu dar mais uma olhadinha em sua nova aquisição, o par de sapatos, ao analisar mais calmamente, percebe que os sapatos que havia comprado no outlet de Miami nos Estados Unidos, na verdade eram "Made in Brazil".

A indústria brasileira de sapatos já é tradicional e conhecida internacionalmente. O país possui grande polos de produção de calçados como o Vale dos Sinos no Rio grande do Sul, Franca e Birigüi em São Paulo e na região de Juazeiro do Norte no Ceará, dentre outros.

Halfbrogue_(Grenson)

Sapato produzido em Franca-SP

Esse grande volume de produção faz com que o Brasil seja um dos maiores exportadores de calçados do mundo, sendo que o produto brasileiro, diferentemente do chinês ou vietnamita, possui mais qualidade e valor agregado, que são condições necessárias para entrar em mercados como o francês e o italiano, voltados aos produtos de luxo,  sendo também muito bem aceito em mercados exigentes como o alemão e o americano.

Na América do Sul, Argentina e Colômbia são os grandes mercados onde os produtos brasileiros mais se inserem. Na Argentina por exemplo, marcas esportivas como Topper, Olympikus são muito conhecidas e estão no gosto popular além de serem fornecedoras de material esportivo para grandes clubes locais.

"A língua inglesa segue sendo a ferramenta internacional de comunicação em negócios, dominar o idioma francês, o italiano e o alemão pode abrir muitas portas e aproximar parceiros de negociações internacionais."

Como ingressar nesse mundo de negócios com diferentes países e línguas ou estar integrado com novas tecnologias de produção? Um diferencial para quem está no mercado de calçados é falar um outro idioma, e não somente comunicar-se, porém entender através da língua como aproximar-se da cultura e dos gostos dos países alvos para exportação ou a importação de calçados. A língua inglesa segue sendo a ferramenta internacional de comunicação em negócios, dominar o idioma francês, o italiano e o alemão pode abrir muitas portas e aproximar parceiros de negociações internacionais. Ainda falando do mercado europeu, esse é um grande alvo para produtos brasileiros. O Mercado Comum do Sul (Mercosul) e a União Européia estão próximos da assinatura de um tratado de livre comercio entre os dois blocos regionais, o que facilitará e muito a entrada de produtos brasileiros na Europa.

Polo_Industrial

Fábrica de Calçados

Saber uma línguas estrangeira pode facilitar muito os negócios no exterior e ser o diferencial para que bons negócios sejam feitos, conhecimento de novas tecnologias de produção, ou até mesmo para visitar uma feira internacional voltada para o ramo de calçados. Caso tenha interesse de aprender um novo idioma entre em CONTATO ou se já quer avaliar seu conhecimento em uma língua que já sabe faça um TESTE DE NÍVEL on-line.

Comentários sobre Calçados Brasileiros Pelo Mundo – Como Uma Língua Estrangeira Pode Ajudar a Exportar Mais